Episódio 1x07 - You Win or You Die (Série vs. Livro e opinião)

Série vs. Livro

Este episódio cobre os acontecimentos dos capítulos 46, 48-50 e 55. A cena inicial, entre Jaime e o pai, não está nos livros, mas poderia perfeitamente ter acontecido. Serve para apresentar Tywin Lannister, que esfola um veado (simbolicamente importante, pois é o animal da casa Baratheon).

A cena que se segue é uma das mais importantes do livro, a conversa entre Ned e Cersei, de onde provém o título deste episódio, You Win or You Die, e também um dos motes da série. A cena contém o essencial, mas está bastante condensada.

De seguida, mas uma cena nova - a de Littlefinger no bordel. Pareceu-me que o objectivo foi, primeiro, ter sexo neste episódio, depois, dar a conhecer um pouco mais desta personagem. Outra cena nova é a de Theon com Osha, que serve para, de novo, conhecermos mais um pouco do background de Theon, mas também para conhecermos Osha e as suas motivações.

A cena em que Robert está moribundo é bastante fiel ao livro, tirando a parte em que Joffrey está choroso à beira do pai, que não ocorre nos livros. A cena seguinte, entre Ned, Selmy e Varys, também decorre como no livro, bem como a secção da visita de Dany ao mercado - que no livro é apenas uma caravana.

O discurso de Mormont na Muralha tem lugar no pátio, enquanto no livro decorre no septo. À conversa com Sam é aqui adicionado Pyp, talvez para dar mais profundidade e história à personagem.

A cena de Ned com Renly está bastante fiel, bem como a conversa de Ned e Littlefinger e o juramento de Jon e Sam. Também a reacção de Drogo ao atentado contra a vida de Dany decorre como no livro. A cena final é tirada a papel químico do que George R.R. Martin escreveu.


Opinião Pessoal
Este foi, na minha opinião, o melhor episódio da série até agora. Mas vou começar por falar do que não gostei - a cena de Littlefinger no bordel. Em primeiro lugar, a cena parece deslocada e demasiado exagerada. A ideia que me deu foi que alguém achou que tinha de meter sexo neste episódio e como tanto diálogo do Littlefinger sem "distracção" ficaria aborrecido, decidiram juntar as duas coisas. A acção entre as duas prostitutas só serve, e de forma gratuita e desnecessária, para desviar a atenção do que realmente interessa. Depois, sendo Littlefinger uma personagem tão misteriosa e "escorregadia", a sério que se ia pôr a falar do seu passado e ambições com duas prostitutas, uma delas acabada de chegar do Norte?

Uma cena de que esperei gostar mais foi a da conversa entre Ned e Cersei. É uma cena com tanto impacto no livro e aqui, de certo modo, pareceu demasiado condensada e com pouco brilho. Apesar de achar que os actores estiveram bem.

Mas passando aos momentos altos deste episódio: Tywin Lannister! A cena de abertura está fenomenal, e o desempenho de Charles Dance um portento. O seu Tywin é frio, calculista, valoriza a família e não tem medo de "pôr as mãos na massa". Espero que volte a aparecer no próximo episódio.

Depois, a despedida de Mark Addy da série. Tenho de que louvar este grande actor por ter trazido ao ecrã o Robert que imaginei, apesar de ser fisicamente um pouco diferente. No entanto, o que realmente importa esteve lá: o deboche misturado com o desinteresse pela política, as recordações doces do passado misturadas com explosões temperamentais do presente. Depois de ter lido críticas quando o actor foi seleccionado para o papel, não posso deixar de dizer que foi um excelente Robert, que vai deixar saudades.

Outra grande cena é a aquela em que Drogo jura ao filho por nascer que vai conquistar Westeros para ele. Até agora, Jason Momoa pouco mais tinha sido que figura de corpo presente - não é uma crítica ao actor, mas a verdade é que ainda não lhe tinha sido dada oportunidade para brilhar. Assim, assistimos a uma cena poderosa e emotiva, na qual o actor mostrou toda a sua garra. Muito bom.

Por fim, não posso deixar de destacar o Littlefinger. Gosto cada vez mais da personagem, muito mais do que alguma vez gostei quando li o livro. A cena da conversa com Ned tem tiradas geniais e ele é, sem dúvida, um mestre da intriga. Muito bem, Aidan Gillen.

A cena final está fantástica e é um óptimo cliffhanger, que deixa o telespectador ansioso por saber o que se vai passar a seguir. Venha rapidamente o episódio 8!

9/10

Categories: ,

10 Responses so far.

  1. Concordo plenamente com a colocação sobre Drogo e graças aos Deuses finalmente eu consegui ver uma cena em que ele mostra sua garra e fúria, dignas de um líder.

  2. Mary says:

    Concordo com tudo e sim, aquela cena foi o ponto altp ( pelo menos até agora) do Drogo.
    Também gosto bastante do Aidan Gillen e desde que vi-o em The Wire, fiquei fã do actor.
    By the way, parabéns pelo blog, pelas reviews and keep the good work.

  3. Realmente, o melhor episódio até agora! Como já tinha referido num comentário anterior, isto está a começar a aquecer :)

    Também acho que a cena do Mindinho com as duas prostitutas foi demasiado forçada... Demasiados detalhes sobre a sua vida e os seus propósitos dados de barato a duas figurantes ...
    Como dizes e bem, faltou algum brilho à conversa entre Ned e Cersei. Efectivamente, no livro tem muito mais impacto e percebemos que é um ponto marcante na saga.
    A cena de Drogo também está bastante intensa e finalmente tivemos um cheirinho da personagem que até agora, pouco mais fez além de desempenhar o papel de mero figurante ...
    Desta vez não tivemos direito a Tyrion :(
    Mas tivemos uma vez mais um grande final que nos deixa outra vez ansiosos pelo próximo domingo :)

    Já agora, pelo andar da carruagem, parece-me que a primeira season vai encaixar em 10 episódios. Será assim?

  4. Célia says:

    Olá Rodrigo!
    Começando pelo fim, os 10 episódios correspondem mesmo aos acontecimentos do 1.º livro. Desconheço se irão colocar algum detalhe do 2.º livro, mas não será nada importante.

    De resto, para além do Tyrion, também não tivemos Arya, Catelyn ou Sansa :P Mas realmente, destes todos, o que se sente mais falta é o Tyrion.

  5. Ric says:

    Ola a todos
    Parabens pelo blog, ta muito bem conseguido
    Desta vez nao pode de deixar aqui uma mensagem
    É impressionante como, a seguir a ver cada episodio e de contruir uma opiniao propria, vir aqui e vir que é quase papel quimico da minha analise :D
    Continuaçao de um bom trabalho

  6. Célia says:

    Olá, Ric. Obrigada! ;)

  7. Cissa says:

    A cena final e apesar de eu estar a espera confesso que me deu um nervoso miudinho!!! E fiquei mais uma vez, como no livro, cheia de vontade de arrear uma tareia ao Joffrey e de torcer o pescoço ao Littlefinger.

  8. Célia says:

    E ainda vamos odiar mais o Joffrey, não é? :P

  9. Não consigo ver a cena do Drogo sem pensar no Haka que fez aquando do casting. Espero que faça parte dos extras dos DVDs. xD

    A cena final foi brutal. I love to hate Littlefinger. :D

Leave a Reply

Partilhar