Episódio 1x07 - You Win or You Die (resumo)


No acampamento Lannister, Jaime fala com o seu pai e comandante das tropas, Tywin Lannister. Enquanto Tywin esventra e limpa um veado, pai e filho falam sobre as desavenças com os Stark. Tywin informa o filho que lhe irá dar metade das suas forças para que Jaime ataque os Tully pela captura de Tyrion, e relembra ao filho a importância do nome Lannister, e como ele deve lutar para o elevar.

Em King's Landing, Cersei e Ned conversam. Este diz à Rainha que sabe que os seus filhos são bastardos dela com o irmão gémeo, Jaime. Cersei recorda o que passou pelo desprezo de Robert, enquanto Ned ameaça que vai contar toda a verdade a Robert e que Cersei deverá partir com os filhos para longe.

Num dos bordéis de que é proprietário, Littlefinger intrui Ros e outra prostituta na sua arte. Enquanto as duas continuam a praticar, Littlefinger fala sobre o seu passado e as suas ambições.


Em Winterfell, Theon Greyjoy interpela a selvagem Osha. Theon fala sobre a sua terra, as Ilhas de Ferro, exige que Osha o trate por Lord, mas esta acaba a zombar dele. Theon tenta seduzir Osha, mas Maester Luwin chega antes que possa fazer qualquer coisa e Theon sai. Luwin e Osha falam sobre os motivos que levaram a que esta fugisse para sul.

Na Muralha, Jon e Sam vêm um cavalo a aproximar-se sozinho. O cavalo pertencia ao tio de Jon, Benjen Stark, que está assim desaparecido.


Em King's Landing, Renly Baratheon traz a notícia a Ned que Robert foi ferido na caçada. Ned desloca-se aos aposentos do Rei moribundo, onde este se despede de Joffrey. Robert conta a Ned que a bebida o fez falhar a investida e Ned vê a ferida mortal de Robert, que diz aos presentes como deseja que seja o seu funeral. Robert exige ficar sozinho com Ned e pede-lhe para deixar escrito que a sua vontade é que ele seja Protector do Reino assim que morra. Robert diz ainda a Ned que ele tinha razão quanto a não querer mandar matar Daenerys e pede-lhe que ajude o filho a tornar-se num homem melhor.

Ned pede a Maester Pycelle que dê leite de papoila para aliviar as dores do Rei. Ser Barristan Selmy recorda o que se passou na caçada, e Varys questiona quem deu o vinho ao Rei - o escudeiro Lancel Lannister, o que levanta suspeitas quando ao cariz acidental do ocorrido. Ned comunica a Varys e Selmy que o Rei mudou de ideias quanto a mandar matar Daenerys, mas Varys diz que já é tarde demais para impedir.


Em Vaes Dothrak, Dany e Drogo falam sobre conquistar Westeros, e Dany tenta convencer o marido da importância que isso tem para ela, mas Drogo parece não se importar. Dany visita um mercado na cidade, e também fala sobre a conquista de Westeros com Jorah. O cavaleiro encontra-se com um dos mensageiros de Varys, enquanto um vendedor de vinho tenta convencer Dany a provar um dos seus produtos. Jorah aparece e evita que Dany leve consigo um vinho que suspeita estar envenenado. Quando manda o vendedor provar esse vinho, o homem tenta fugir, revelando assim a sua culpa.

Na Muralha, o grupo de jovens recrutas, onde se inclui Jon Snow, ouve o Comandante Mormont fazer um discurso que lhes transmite tudo o que significa pertencer à Patrulha da Noite, irmandade onde estão prestes a entrar. Jon e Sam falam sobre os grupos onde gostariam de se ver inseridos, antes de dizerem ao Comandante que querem fazer o juramento perto de uma árvore-do-coração. Mormont revela em que grupos cada um dos recrutas irá ficar e Jon fica muito desiludido por o colocarem no grupo dos escudeiros. Demonstra isso mesmo quando Maester Aemon lhe atribui a tarefa de ser escudeiro pessoal do Comandante Mormont. Uma conversa com Sam e Pyp faz com que Jon perceba que o seu desgosto é relativo.


Renly pede a Ned para os dois falarem a sós. Sabendo que Ned será Protector do Reino, Renly oferece homens a Ned para capturarem a Rainha e Joffrey e assegurar a sua posição. Ned acha que o próximo Rei deverá ser Stannis, o irmão mais velho a seguir a Robert, mas Renly duvida das capacidades de Stannis para liderar e oferece-se para ser o próximo Rei. Ned recusa-se a fazer o que Renly sugere.

Ned escreve uma carta para Stannis Baratheon e manda um guarda seu levá-la. Entretanto, Littlefinger vai aos aposentos de Ned para dialogar. Este diz-lhe que o Rei não tinha herdeiros e que o trono deverá passar para o irmão Stannis. Littlefinger sugere que Ned deveria assegurar que Joffrey fosse o próximo Rei, fazendo paz com os Lannisters e, mais tarde, poderiam livrar-se de Joffrey. Littlefinger oferece-se para ser o ajudante de Ned, caso ele concorde. Ned não deseja acordos com a família que tentou matar o seu filho, e pede a Littlefinger a ajuda das Guarda da Cidade para fazer valer a sua opinião.


Sam e Jon saem da Muralha para irem fazer o seu juramento junto à árvore-do-coração. Quando se preparam para ir embora, o lobo de Jon, Ghost, aparece com a mão de um cadáver na boca.

Em Vaes Dothrak, Drogo fica enfurecido com a situação pela qual Dany teve de passar e jura que irá dar ao seu filho o Trono de Ferro e o domínio dos Sete Reinos.

Ned é chamado à Sala do Trono por Cersei e Joffrey, que se entitula Rei após a morte de Robert. Littlefinger assegura a Ned que a Guarda da Cidade é dele, e Varys diz-lhe que Renly fugiu da cidade. Ned dirige-se à Sala do Trono, onde Joffrey está sentado no Trono de Ferro e exige que sejam feitos os preparativos para a sua coroação, bem como os juramentos de fidelidade por parte dos membros do Conselho. Ned pede a Ser Barristan Selmy que leia o documento onde Robert nomeia Ned como Protector do Reino. Cersei pede para ver o documento, rasga-o e aconselha Ned a ajoelhar-se perante Joffrey. Ned recusa-se e ordena ao Comandante da Guarda da Cidade, Janos Slynt, que leve a Rainha e o filho como reféns. No entanto, a Guarda da Cidade ataca os homens de Ned e Littlefinger encosta um punhal ao seu pescoço, dizendo-lhe que o avisou para não confiar nele.

Categories: ,

Leave a Reply

Partilhar