Robert Baratheon


No início dos livros, Robert Baratheon já é rei de Westeros há 15 anos. Durante a sua juventude, foi um guerreiro formidável, mas agora é descrito como um homem gordo e barbudo, com gosto pela caça, por mulheres e pela bebida.

Robert foi criado em Eyrie juntamente com Eddard Stark, do Norte. Os dois tornaram-se próximos um do outro e de Jon Arryn, que os acolheu. Mais tarde, ficou noivo da irmã de Ned, Lyanna Stark, que amava profundamente à distância.

Quando soube que Rhaegar Targaryen tinha raptado Lyanna, Robert ficou indignado. Brandon Stark, irmão de Lyanna, foi a Porto Real salvá-la, mas foi capturado e executado pelo Rei Aerys. Eventualmente, Aerys ordenou a Jon Arryn que lhe desse as cabeças de Robert e Eddard Stark. Em vez disso, Jon Arryn revoltou-se contra Aerys, dando início à Rebelião de Robert/Guerra do Usurpador. Apesar de Robert ter vencido a sua guerra e de ter pessoalmente matado Rhaegar no Tridente, não recuperou Lyanna, que morreu em circunstâncias desconhecidas. Depois disso, Robert começou a ser assombrado pela sua memória, e carrega um ódio profundo pelos Targaryen em geral e por Rhaegar em particular.

Como resultado da guerra, Robert subiu ao Trono de Ferro dos Sete Reinos. Casou com Cersei Lannister para cimentar a lealdade da família dela ao seu reinado. Nomeou Jon Arryn como Mão do Rei e deixou boa parte do governo do reino nas mãos de Arryn. Apreciador de festas, celebrações e torneios, Robert esbanjou os vastos recursos deixados pelo Rei Aerys, deixando a coroa grandemente endividada.


O actor escolhido para representar Robert Baratheon é Mark Addy. Confesso que não conheço o trabalho dele, apesar de possuir uma vasta carreira em TV e cinema. O anúncio do seu nome não foi dos que recebeu as reacções mais entusiásticas dos fãs, mas consta que é um bom actor e por isso as expectativas são boas. Veremos como se sai.

(texto parcialmente adaptado da Wikipedia)

Leave a Reply

Partilhar